sábado, 30 de junho de 2012

quarta-feira, 27 de junho de 2012

Adcionei marcadores e mais tarde excluo esse post, porque se eu não postasse não ia salvar os marcadores. ou sei lá
 então ignorem isso

Duende??

Lumus
Juro solenemente que não vou fazer coisa boa



Duende famoso por treinar gigantes no ministério da magia... e eu que pensava que o meu futuro passaria por poções...

Malfeito Feito
Nox

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Lumus
Juro solenemente que nao vou fazer coisa boa



Hermione* mas nao fui eu que fiz a imagem mesmo...

Hey já viram o chat algures por ali --------------------------------------------------->?

Malfeito Feito
Nox


terça-feira, 19 de junho de 2012

Troll

Lumus
I solemnly swear I'm up to no good
Eu apostava nos gémeos, mas eles não conseguiram...

Malfeito Feito
Nox

segunda-feira, 18 de junho de 2012

quarta-feira, 13 de junho de 2012

domingo, 10 de junho de 2012

Slytherus Snape


Lumus
Juro solenemente que não vou fazer coisa boa


Ele sempre foi quieto. Sofria dentro de sua casa, e tinha poucas amizades. Incluindo a amizade com as irmãs Muggles. Desde os seus nove anos, apaixonou-se por Lily… Tornaram-se amigos, melhores amigos na verdade. Foi ele quem disse que ela era uma bruxa, assim como ele. Ele apresentou-lhe Hogwarts e todos os encantos da magia. Severus, foi sempre um garoto muito calmo, muito quieto e sozinho. Lily era sua única amiga. Ambos foram para casas diferentes, ela para a Gryffindor, e ele para Slytherin. Lá conheceram novas pessoas, incluindo James Potter. Como ambos foram para diferentes casas, Severus fez amizades com os possiveis futuros Devoradores da Morte, e assim se juntou a eles. Aos 15 anos de idade, Severus chamou Lily de sangue de lama, fazendo-a afastar-se dele. Quando jovem ainda, James Potter e Sirius Black zombavam de Severus, chamando-o de Ranhoso. James também era apaixonado por Lily. Com o passar dos anos, Lily e James casaram-se. Snape virou um Devorador da morte. Enquanto estudou em Hogwarts, Severus sempre sobresaiu em aulas de Poções e em Defesa Contra as Artes das Trevas, capaz de desenvolver “atalhos” para preparar as poções; Na época em que Severus era leal ao Lord das Trevas, Dumbledore contratou Sibila Trelawney como professora de adivinhações de Hogwarts. Escondido atrás da porta, escutou a mulher prever “nasceria aquele capaz de derrotar o Lord das Trevas.” Severus correu até Voldemort e o contou. Supondo que o bebé de James e Lily Potter seria o escolhido, Voldemort decidiu perseguir Harry e matá-lo antes que o menino pudesse crescer e tivesse poderes para derrotá-lo. Ao saber que Voldemort desconfiava que era o filho de Lily e James Potter o bebé da profecia, Snape implorou para o Lord das Trevas não matar a sua amada. Mas não adiantou em nada. Na noite em que Voldemort os assassinou, Snape chegou lá e viu o corpo de Lily no chão. Em prantos, agarrou-lhe e chorou. Ele não aceitava o fato de ser o culpado da morte de sua amada. Então prometeu a si mesmo que iria proteger Harry Potter. 
Dizendo ser fiel a Dumbledore, Severus virou professor de Poções em Hogwarts. Depois que Voldemort desapareceu, Snape permaneceu a Escola de Bruxaria. No quarto ano, no Torneio Tribruxo, Snape demorou a juntar-se aos demais Devoradores da Morte à volta de Voldemort, mas Dumbledore o pediu para ir encontra-lo horas depois. Antes do início do sexto ano, Severus explicou a Bellatrix Lestrange a sua posição em Hogwarts e disse ser leal a Voldemort. Assim, selou um Voto Perpétuo com Narcisa Malfoy para proteger seu filho Draco Malfoy na missão confiada a ele pelo Lord das Trevas em pessoa, matar Dumbledore. Snape teria que terminar essa missão caso Draco não conseguisse. No sexto ano, Hogwarts foi invadida por Devoradores da Morte liderados por Draco Malfoy. Dumbledore, chegando a Hogwarts, no alto da Torre de Astronomia, é desarmado por Draco, possuindo assim a Varinha das Varinhas de Dumbledore. Em poucos minutos, chega Snape. A obrigação de Severus, de acordo com o Voto Perpétuo era terminar a missão de Draco, caso o garoto não conseguisse. Sendo assim, ele lança uma das maldições imperdoáveis, o Avada Kedavra, contra Dumbledore dentro da torre de astronomia. Harry ainda tenta detê-lo, mas Snape e Draco fogem juntos com os demais Devoradores da Morte. No sétimo ano, Severus Snape é nomeado diretor de Hogwarts pelo Lord das Trevas; Antes de morrer, Dumbledore escondeu a verdadeira espada da Gryffindor e alguns alunos da casa tentam roubar a espada que estava na sala do Diretor, no caso, Snape. Quando Harry está na Floresta, tentando descobrir com Hermione como destruir a Horcrux, aparece uma corça, dirigindo Harry à espada. Snape tinha realizado o Patrono para ajudar o garoto. Como Snape amava muito Lily, o Patrono dele é uma corça. Como o patrono está tão ligado ao amor, ele pode mudar de forma se o bruxo se apaixonar. Severus Snape morreu em 2 de maio de 1998, aos 38 anos de idade; Após Harry entrar na cabeça de Voldemort e ver que o mesmo falou para Lucius Malfoy chamar Snape na Casa dos Gritos, Harry e os seus amigos vão até lá com a capa de invisibilidade e assiste a morte de Snape. Voldemort sai de la se lamentando por isso ter acontecido, e Harry se aproxima do Professor. Recolhe uma lágrima de Snape que escorre, e coloca em um frasco. Severus Snape para muitos sempre foi o vilão da história. O Professor agressivo e ignorante que todos odiavam. Mas na verdade, ninguém conhecia o que ele tinha de melhor. Ele sempre foi um herói. Ele amou mesmo depois da morte de Lily, foi leal a ela, sofreu por ela, matou por ela e por fim morreu por ela, e além de tudo foi leal a Dumbledore e Harry em todos os aspectos até o dia de sua morte. Severus Snape será sempre o homem mais corajoso que já conhecemos.
  


~chorando~
Malfeito Feito
Nox

terça-feira, 5 de junho de 2012

#Aniversário Draco Malfoy



Lindo
Loiro
Disputado
Egocêntrico
Sedutor
Maldoso
Medroso
Debochado
Slytherin
Malfoy.
Parabéns Draco!

Como devem saber (se não, se matem!), hoje, 5/6, é aniversário do MEU querido Draco Malfoy. (Atenção: DRACO, não é do Tom). Então eu vim aqui, digamos que a Broken tá aqui também, apesar do Draco ser só meu, para desejar um feliz aniversário a essa incrível personagem que vem nos cativando desde o incio dessa saga maravilhosa. Seja nos seduzindo, nos dando raiva, ou rancor, Draco provou ser apenas um garotinho medroso que se sentia obrigado a honrar seu nome. Acredito que falo em nome de todas nós, Malfeitoras, quando digo que não importa que tenha se tornado um Comensal da Morte, não importa que tenha quase matado Dumbledore, porque é esse quase, que te faz especial, Draco. E não é só por sua beleza que te amamos, é pelo seu caráter também. Mesmo que você não vá ler isso, Tom, mesmo que não saiba que nos existimos, mesmo que não possamos entrar no livro, Draco, nós te amamos. E essa é uma verdade inquestionável.


De todas as Malfeitoras um FELIZ ANIVERSARIO!


domingo, 3 de junho de 2012

Broken

Oi galera! É a primeira vez que eu posto alguma coisa aqui, então estou nervosa kkkk'
Eu vim só dizer oi, na verdade, sou a Broken, acho que talvez alguma alma deve me conhecer lá do Nyah!
Vou deixar um vídeo que fiz sobre o Severus Snape aqui...
Espero que gostem dele, não esqueçam de comentar!


Malditos ninjas cortadores de cebolas


Lumus
Juro solenemente que não vou fazer nada de bom

Emma olhou para Daniel e Rupert, com os olhos embaçados.
A ultima cena de Harry Potter.
“Ok pessoal, estão prontos? E ação”. Disse o diretor
Ela fechou os olhos e mais uma vez se deixou perder no mundo de Harry Potter.
“E CORTA”, as cameras se desligaram e a cena se congelou.
Produtor: “Harry Potter and the deathly hallows: Part II. oficialmente completo.
Emma sentou-se no castelo de Hogwarts. Ela olhou para cima com um fraco sorriso no rosto. Daniel estava em seu lugar, congelado. E Rupert estava atordoado olhando em volta sem entender.
Os membros da equipe aplaudiram bem forte, BOM TRABALHO RAPAZES, os chamando para fora.
Emma se levantou e correu tão rapido quanto suas pernas a permitiam e alcançou Daniel. Ela o abraçou forte, as lagrimas caiam. Rupert caminhou desajeitado ao encontro deles e Emma envolveu um dos seus braços ao redor dele. Um abraço em trio.
Ficaram assim por um momento. Emma lembrou-se da primeira vez que filmaram juntos.
“Você esta fazendo um feitiço? Bem, vamos ver então?”
Daniel se rompeu em lágrimas, e gritou junto com ela.
Então Rupert…
“Rupe, você esta chorando” Emma sorriu, ainda soluçando.
Rupert Grint, o calmo, estava chorando.
Emma estendeu a mão e enxugou suas lágrimas: “NÃO É O FIM, NEM POR ISSO”




Malfeito Feito
Nox

sábado, 2 de junho de 2012

Lumus
Juro solenemente que ninguém lê isso mesmo


Edward Quirinus Quirrell Mordrake era um herdeiro de um título de nobreza do século XIX, na Inglaterra. Na parte traseira de sua cabeça existia um segundo rosto, que todos diziam ser “torcido e do mal”. A remoção desta segunda face teria sido solicitada aos médicos por Edward Quirrel, que a chamava de “cabeça demoníaca de Voldemort”, pois afirmava que ela “falava coisas horríveis a noite”. Mesmo Edward Quirrel tendo jurado que às vezes era obrigado a ficar acordado por estar com “ódio dos sussurros de seu gênio demoníaco”, os médicos se recusaram a fazer a operação. Ele acabou por morrer devido à coragem de Harry Potter e graças à proteção da sua mãe.

Malfeito Feito
Nox

sexta-feira, 1 de junho de 2012